O Dia Mundial da Água

Foto de Skitterphoto no Pexels

No dia 22 de março comemora-se o Dia Mundial da Água. Essa data foi proposta em 1992 pela ONU (Organização das Nações Unidas), no evento realizado no Rio de Janeiro conhecido  como ECO 92, na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento e Meio Ambiente, com o objetivo de promover a conscientização sobre a importância e relevância da água para a sobrevivência de todas as espécies animais e vegetais vivas do nosso planeta. Nesse evento foi elaborada a “Declaração Universal dos Direitos da Água”, dividida em 10 artigos:

Art. 1º: A água faz parte do patrimônio natural do planeta;

Art. 2º: A água é a seiva do nosso planeta, ou seja, é a condição de vida essencial para todo o ser vegetal, animal e humano;

Art. 3º: Os recursos naturais de transformação da água em água potável são lentos, frágeis e muito limitados;

Art. 4º: O equilíbrio e o futuro do nosso planeta dependem da preservação da água e dos seus ciclos;

Art. 5º: A água não é somente uma herança dos nossos predecessores; ela é, sobretudo, um empréstimo aos nossos sucessores;

Art. 6º: A água não é uma doação gratuita da natureza, ela tem um valor econômico: precisa-se saber que ela é, algumas vezes, rara e dispendiosa e que pode muito bem escassear em qualquer região do mundo;

Art. 7º: A água não deve ser desperdiçada, nem poluída, nem envenenada;

Art. 8º: A utilização da água implica no respeito à lei;

Art. 9º: A gestão da água impõe um equilíbrio entre os imperativos de sua proteção e as necessidades da ordem econômica, sanitária e social;

Art. 10º: O planejamento da gestão da água deve levar em conta a solidariedade e o consenso em razão de sua distribuição desigual sobre a Terra.

Desde então, a partir de 1993 se discute anualmente sobre algum tema relacionado a água, abordando vários aspectos e temáticas relacionadas. Em 2020, o tema será “A água e as mudanças climáticas”.

A poluição da água é o resultado da alteração da sua qualidade o que a torna imprópria para o consumo humano e prejudicial aos seres vivos que nela habitam.

Estatísticas da Organização das Nações Unidas (ONU) demonstram que 25% da população do planeta não tem acesso a água potável e cerca de 58% dos municípios do Brasil não tem água tratada. Importante lembrar que nosso país possui 12% das reservas de água doce do mundo.

Além disso, cerca de 20 países já sofrem com a escassez da água, o que corresponde a 40% da população mundial, gerando muitos problemas de saúde pública.

A água, como recurso finito essencial para a vida no planeta, colabora também com a produção de alimentos.

Por tudo isso, devemos conservar esse recurso natural tão valioso para a nossa vida, e atitudes do dia a dia fazem toda a diferença. Se por exemplo cada pessoa reduzir em 2 ou 3 minutos o tempo de banho, economizará de 3 a 6 litros de água. Os impactos dessa redução são significativos econômica e socialmente.

 E cada um de nós precisa fazer a sua parte.

Por Maria Lessa

Essa é o primeiro de uma série de artigos sobre as temáticas relacionadas ao uso racional da água. Se quer acompanhar e saber mais, inscreva-se.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s